Quando a vida que tens já não te serve.

Definição de crise no dicionário – ponto de viragem, para melhor ou para pior.

O ponto de viragem, em seguida, envolve perceber se estás a lutar e a não conseguir atingir uma experiência de vida positiva, que inclui paixão, poder, propósito, segurança, integridade, autoconfiança e equilíbrio.

Elementos- chave que nos ajudarão a mover na direcção certa:

1- Passos poderosos que precisas de fazer antes de começar o teu caminho para o sucesso;

2- Dicas para deixar o velho e abraçar o novo;

3- Sinais que deves  procurar no caminho para a tua vida extraordinária.

 

1-

  • Dar um passo atrás. É preciso mudar a nossa perspectiva sobre as coisas, a nossa visão. É preciso dar um passo atrás nas nossas vidas.
  • Deixar ir. Deixar de lado o pensamento negativo e as acções que te prendem.
  • Diz sim. Diz sim para te respeitares e agires em relação ao que sentes.

2-

  • Larga o “eu devia”. Ex: O que devia ter dito a certas pessoas durante a minha vida vida? Eu deveria pôr as necessidades dos outros antes das minhas. Eu deveria desistir dos meus sonhos de infância, conhecer as minhas próprias limitações. Eu deveria fazer algo prático com a minha carreira. Eu devia me concentrar na segurança e em ganhar dinheiro. Eu devia ser responsável. Eu devia aceitar que não sou especial o suficiente para fazer isto. Apaga isto da tua mente.
  • Faz antes uma lista dos teus desejos. Do que te afastarias ou deixarias agora, neste momento? O que farias neste momento se soubesses que não ias falhar? Se soubesses que tens todo o poder? O que seria diferente na tua vida? O que te faria levantar da cama com um sorriso todas as manhãs?

3-

  • Sentes medo? Aquele tipo de medo que excita? Que faz o teu coração bater? Não tenhas medo desse tipo de medo, é o medo que nos motiva a mudar. Não te afastes do desafio. Talvez esteja aqui por um motivo e seja a hora certa.
  • Faz perguntas a ti mesmo que te devolvem o seu poder de volta. ( O que quero aprender com isto?), (que mudanças estou a precisar de fazer na minha vida?). É um começo poderoso para examinar o processo de viver.
  • Não consegues o que queres. As vezes, quando não conseguimos as coisas que pensamos que queremos, é porque não as queremos realmente. A nossa voz interior está- nos a sussurrar o que precisamos, e está nos a servir nesses momentos, empurrando nos para a frente, para nós finalmente deixarmos a nossa infelicidade para trás, e para sermos honestos sobre o que queremos que a nossa vida seja. Às vezes, não conseguir o que queremos é exatamente o que precisamos.
  • Estás à procura de um sistema de suporte. Pode não ser o teu sistema de suporte actual porque infelizmente os nossos amigos, família, colegas e chefes, todos os que nos rodeiam – muitas vezes estão cheios de dúvidas, medos, e com a sua própria negatividade, e não estão preparados para nos apoiar no caminho de seguir o trabalho da nossa própria alma. A maior parte das pessoas não tem a menor ideia do que é necessário para fazer um trabalho que satisfaça a alma. Então como eles saberiam o que é possível ou necessário? Eles não sabem. Deves te rodear daqueles que vêem além das limitações e do medo. Tenta sempre encontrar alguém que pense como tu, e nunca tentes passar por isto sozinho. Acredita, eu mesma me sinto uma extraterrestre quando falo sobre isto a alguém…aquele olhar…de que tu não estás bem da cabeça…ahahah.

Segue a tua própria voz, sim, abre te para mais do que isso porque tens pessoas que pensam como tu e que te acompanham nesta jornada. Não estás sozinho, apesar de eu sempre ter achado que estava.

Lembra te…se tu não consegues viver um certo tipo de vida, então não vivas essa vida. Pára de resistir. Se há algo que te faria sentir seguro da razão porque tu estás neste mundo agora, e totalmente alegre, compromete te com isso. Temos de nos perguntar o que queremos, mas mais importante do que isso, temos que nos dar permissão para tê-lo.